quarta-feira, 17 de março de 2010

A PÁSCOA



Toca o sino na capela
Surgem foguetes no ar
Põem-se flores na ruela,
Nossa Páscoa vai chegar.

Abrem-se as portas à Cruz
Neste dia tão festejado,
Entre nós vai estar Jesus
Como nosso convidado

E o povo da minha aldeia
Trajando todo a rigor
De casa em casa passeia
Beijando a Cruz do Senhor.

Numa bela comunhão
De pura fraternidade,
Vibra em cada coração
A corrente d'amizade.

Nas casinhas do lugar
Onde a festa nos rodeia,
Encontramos em cada lar
Uma mesa sempre cheia.

Nesta onda de alegria,
Que a Páscoa nos faz viver,
Há sempre durante o dia
Um copito p'ra beber.

E à noite já satisfeitos
Com um grãozinho na asa
Uns tortos, outros direitos,
Todos vão dormir p'ra casa.

Poema de: Rama L Rama

Sem comentários:

Publicar um comentário